Mudando a forma

Mudando a forma de pensar você muda a forma de viver!

Arquivo para a tag “reeducação alimentar”

Marmitinhas. Love it…

Ontem embarquei em uma nova aventura, trazer de casa TODAS as minhas refeições do dia, inclusive o almoço.

Resolvi fazer isso depois de passar muita raiva no restaurante na última segunda-feira, primeiro que demorei pra achar o arroz integral e quando finalmente encontro me dou conta que ele foi feito com caldo de galinha “pakabá” isso. Até aí beleza, era uma situação aceitável, o pior foi quando fui procurar pela carne e encontrei bife frito em uns 10 litros de óleo. Ok muita calma e vamos ao frango e vejo iscas de peito de frango fritas, certo então o negócio e comer peixe, adivinhem? empanado e friiiiiiiiiiiito. Ahhhhh que coisa, e a atendente do restaurante diz:”Temos camarão também moça!”, uma luz no fim do túnel? Será? Que nada era bobó de camarão…. pior ainda kkkkkkkkkk.

marmitinhas

Marmitinhas dia #1  prontas 🙂

Depois dessa não teve jeito, resolvi aderir às marmitinhas que Bah sempre nos ensina a fazer. Já fazia isso com os lanches, mas agora estendi para o almoço também.

Ontem eu trouxe comida demais, pra hoje já reduzi bastante e posso dizer que estou amando isso. Embora dê um pouquinho de trabalho é muito bom saber que a comida vai estar com o tempero e a quantidade de sal adequados. Que não tem conservantes, que tudo está dentro da validade e fora o fato de escolher exatamente tudo o que vou comer.

Comecei tudo isso meio na louca, sem planejar cardápio nem nada, só garimpando o que tem em casa e pronto. Mas quero evitar que eu enjoe ou desista então na sexta já vou plenejar o cardápio da semana toda, no sábado cedinho vou à feira (tem que ser cedo mesmo pq tenho que ir pra academia depois 🙂 ) e no domingo me organizo, adianto o que for possível e o que não for eu cozinho no dia anterior.

Pra muita gente eu sei que é difícil, mas dá pra dar um jeitinho, eu trago tudo separado em potinhos por refeição, e pro almoço são ao menos dois um com salada e outro com o restante. Tudo bem eu tenho o privilégio de trabalhar em uma empresa excelente e que me dá toda a estrutura necessária pra fazer isso. Tenho à disposição geladeira, microondas, fogão e etc, isso facilita muito a vida 🙂  mas dá pra adaptar, comprar um pote que seja um pouco maior mas que tenha divisórias e trazer tudo junto, ocupa menos espaço e tals. Quando a gente quer algo de verdade a gente cria o meio de realizar nossa vontade. Pensem nisso!

Menu do dia #1

1 – Pré-treino: sanduíche de pão integral com peito de peru e creme de ricota light;

2 – Café da manha: 2 bananas maçã e 1/2 copo de iogurte destanado;

3 – Lanche da manhã: Cereal integral com o restante do iogurte;

4 – Almoço: Salada de tomate com rúcula e ricota, arroz integral com quinoa e carne magra cozida com alho, cebola e ervas;

5 – Lanche da tarde: Gelatina de abacaxi.

Se a vontade é mesmo de emagrecer tem que correr atrás, ninguém nunca disse que seriá fácil e simples mas o resultado é muito bom!!

Marmitinhas dia #2

Marmitinhas dia #2

Hoje elas vieram cheias, agora depois do almoço só resta a de ceral integral do lanche da tarde,  não tirei foto delas todas cheias mas fica pelo menos a foto delas limpinha e prontas para voltar amanhã.

Fora isso, bastante água e chás, especialmente o de hibiscus com limão que eu amo de paixão… até a cor dele é linda 🙂

É isso aí, por hoje é só.

Dia do lixo

Dia do lixoEu escolhi eleger um dia da semana como o dia do lixo. Mas observo que muita gente confunde o real significado do dia do lixo.

Que atire a primeira pedra aquele que consegue ficar completamente longe de comidas que não são exatamente saudáveis. Que atire a primeira pedra quem não sente vontade de comer pizza, fritas, sorvete, bolo de chocolate, lasanha e etc.

Na boa, ninguém consegue. Salvo alguns casos, eu posso dizer que não acredito em dietas, acredito em uma mudança de consciência e atitude em relação à comida. Acredito que mudar a forma de enxergar os alimentos pode mudar drasticamente o nosso estilo de vida. Eu sou um grande exemplo de que usamos a comida como fuga para ansiedade, mas acredite, devorar uma caixa de chocolate pode até dimunir temporariamente a ansiedade, mas não vai resolver o problema que causa sua ansiedade. Eu realmente acredito na reeducação alimentar, mas não só isso, acredito que também é necessário que façamos uma reeducação de nossas atitudes e pensamentos.

Digo isso pois não consigo imaginar como uma pessoa consegue viver eternamente de “dieta” se privando de tudo o tempo todo. Imagine só, você vai a um almoço com amigos todos estão comendo algum alimento que não faça parte da sua dieta e não há outra opção. O que vai fazer? Ficar só vendo todo mundo comer? Díficil não? Eu também acho, e aí oque acontece? A criatura chega em um ponto que não aguenta mais ouvir falar em dieta e literalmente atola o pé na jaca, come em dois dias o que não comeu em 6 meses e manda por água abaixo tudo o seu empenho.

Com base nisso é que eu acredito na importância do dia do lixo, o grande problema é que para alguns esta idéia é um pouco deturpada. Embora o nome nos leve a imaginar que seja um dia regado à “junk-food” não é bem assim que deve ser.O que alguns fazem é comer desesperadamente até passar mal, detonar nos doces, refriferantes e processados… “junk-food” total, mas a idéia do dia do lixo é justamente outra. É um dia como qualquer outro, devemos manter nossa alimentação de 3 em 3 horas e etc, a diferença é que se nos depararmos com aquele quiosque que vende casquinhas de sorvete de baunilha irresistíveis, podemos nos dar ao luxo de saborear  uma sem culpa, ou seja me permito comer alguma coisa que esteja com vontade seja doce ou salgado.

Hoje por exemplo participei de um almoço muito divertido com amigos vários amigos, comi strogonoff, tomei refrigerante, comi um pequena fatia de torta alemã. Eu comi e bebi o suficiente pra saciar minha fome sem me empaturrar. Matei a vontade, comi “besteira” sim e daí?? Eu quero sim emagrecer, mas preciso estar bem, preciso ter forças para continuar e pra isso preciso estar feliz e motivada para conseguir alcançar meu objetivo.

 

Deixe seu comentário aqui em baixo, discutir idéias é bem legal 🙂

4 meses depois

E este é o resultado de 4 meses de rotina com boa alimentação e práticas de exercícios.

Menos 13 quilos, menos rémedios, nenhuma dor.

Mais alegria, mais saúde, mais bom humor.

Hahaha até rimou!!!

Evolução emagrecimento Fernanda Região.

Após 4 meses eis o resultado da combinação de reeducação alimentar e prática de atividade física

É isso aí, continuo com meu plano: devegar e sempre. Mudando a forma de  viver e mudando minha vida complemante.

Mude você também 😉

A matemática é simples

Recebi algumas críticas depois de expor minha opinião sobre o que pra mim faz mais efeito: alimentação vs. atividade física.

Bom então vamos lá… eu nunca disse que atividade física não é importante, bem pelo contrário… ela é muito importante e muito válida. Mas de nada adianta o cidadão ir pra academia, ficar lá suando e se acabando na esteira e quando sair da academia parar no primeiro fast-food e se empaturrar de goduras, carboidratos e açúcares. O que muitos não entendem é que sim, é possível emagrecer apenas controlando a alimentação. Claro que os resultados virão mais devagar, mas sim é possível.

alimentao-e-atividades-fisicasA matématica do emagrecimento é bem simples: diariamente gastar mais calorias que a quantidade ingerida. Claro que não vale ficar à base de folhas de alface… com certeza vc vai perder peso, mas vai também perder a saúde. Eu acredito que todo mundo que precisa e decide emagrecer que perder peso e ganhar saúde (pelo menos deveria ser assim). E pra isso alimentação balanceada é fundamental. Isso quer dizer que??? Você deve procurar um profissional de saúde afim de orientá-lo pra isso.

Mas voltando a questão da matemática, eu estava falando sobre o metabolismo basal. Nome meio estranho mas é isso mesmo, é a quantidade de calorias que gastamos em um dia para manter nosso corpo em pleno funcionamento e também para realizar nossas atividades do dia-a-dia.

É um calculo meio complicado, se quiser ter uma idéia do seu gasto diário poderá acessar o site do Bem Estar, lá eles disponibilizaram uma calculadora que nos dá uma idéia de quantas calorias precisamos por dia.

Bom acho que é isso, concluindo… atividade física é muito importante, mas nunca podemos esquecer que tão ou mais importante ainda é cuidar primeiro da nossa alimentação. É altamente recomendável procurar um profissional de saúde ligado à nutrição pra ter uma dieta balanceada.

Mudando a forma de levar a vida, mudando a forma de pensar, mudando a forma de encarar a alimentação e a atividade física é completamente possivel emagrecer sem cirurgias ou medicamentos.

That’s all folks 🙂

 

Muitos passos pra frente :)

Como eu ouvia a Xuxa dizer quando eu era pequena: querer, poder e conseguir. É assim que tenho pensado ultimamente. E é assim que tenho agido.

É tão bom ver as pessoas te olhando e olhando de novo pois estão estranhando a sua aparência, a segunda olhada é pra ver se estão realmente vendo direito hahaha, e aí elas dizem: nossa você está ficando fina 🙂

Mas é melhor ainda ver todas as roupas ficando extremamente folgadas, já tive que mandar meus uniformes para ajuste, estavam parecendo roupa de palhaço de tão largas hahaha.

Eu jurava que hoje quando fosse me pesar eu iria me decepcionar, afinal de contas estou há mais de uma semana longe da academia por culta de um resfriado que insiste em não ir embora. Tenho dormido muito mal, acordo destruída sem respirar direito, tenho sentido muito sono na parte da tarde, no trabalho está puxado, as vezes me pego “pescando” e isso pra mim é pessimo, me sinto muito mal pois parece que não estou rendendo tanto quando poderia. Enfim, tá feia a coisa… Mas…. quando fui me pesar hoje pra minha surpresa eu tinha emagrecido mais 600g em 6 dias.

E isso me fez concluir que realmente a reeducação alimentar é o melhor método pra perder peso, e manter o peso. Embora estivesse completamente sem apetite continuei fazendo todas as minhas 6 refeições diárias, com as mesmas quantidades e, ao contrário do que imaginei, eu perdi peso.

Eu estou bem feliz e animada. Assim que estiver 100% recuperada volto aos meus exercícios.

Fiz uma foto essa semana e fiquei bem surpresa com o resultado, mas a surpresa maior foi comparar com uma foto que foi tirada no início de setembro.

Primeiros 8kg eliminados.

É isso aí, seguir em frente, um dia de cada vez, pequenas conquistas diárias que em breve se transformarão na minha grande vitória.

Navegação de Posts