Mudando a forma

Mudando a forma de pensar você muda a forma de viver!

Arquivo para o mês “outubro, 2012”

1 passo pra trás e dois pra frente…

Essa semana tive alguns contratempos com minha saúde, o clima também não ajuda muito aqui em Curitiba: chove, esquenta, esfria, sol, chuva de novo… e com isso ganhei resfriado, garganta inflamada, febra e muitas dores no corpo. Pulei refeições, perdi apetite, ataquei um pobre bombom e estou bemmm inchada, tive que tomar remédios e isso tudo me fez ganhar um presente de grego: 1,2kg a mais na balança.

Além claro do resfriado que me derrubou, tive uma pequena ecaída mais que esperada e não vou ser hipócrita e dizer que isso não vai mais ocorrer pq infelizmente vai sim. Mas só depende de mim dar a volta por cima e continuar. Cheguei a 103,6kg no sábado hoje estou com 104,8. Mas vou recuperar isso loguinho e seguir em frente e mandar esse resfriado chato embora.

Mas acha que isso me desanima? Fique vários dias sem conseguir ir pra academia, hoje acordei um pouco melhor e as 6 da manhã já estava eu lá firme e forte suando muitoooooo. Um passo pra trás, mas agora é questão de honra dar dois passos a frente, não desisto tão fácil.

 

Embora tenha ganhado um tiquinho de peso, hoje tive uma recompensa daquelas. Chegaram os uniformes novos, e esta foi a primeira vez em 7 anos que todas as peças caíram feito uma luva, tudo ficou certinho, algumas peças até um pouquinho folgadas. Imaginem a felicidade dessa moça aqui 🙂

Não sabote seu treino

Ah, ir pra academia três vezes por semana tá mais que bom.

Era assim que eu pensava, e assim que fazia. Qualquer coisinha era motivo pra “deixar pra amanhã”, e eu não enxergava como eu mesma estava sabotando com todos os meus planos.

Exercício tem que ser feito com regularidade e continuidade. Li algumas matérias em que estudos revelam que a prática regular de exercícios físicos ajuda na memória, no raciocínio e também na coordenação motora. Já experimentou deixar uma bicicleta parada por muito tempo? Tudo emperra, pneus murcham e ela não pode mais desempenhar sua função plenamente. Sei que é uma comparação um pouco esdrúxula, mas é assim que enxergo a coisa.Musculação

Tive que mudar radicalmente minha forma de encarar os exercícios físicos. Agora acordo todos os dias as 5:15 da manha, tomo meu café pre-treino e as 5:55 saio para academia que fica a uns 3 min de carro da minha casa. Sim eu vou de carro senão não dá tempo de chegar ao trabalho. Minha série de exercícios que combinam duas fases de aeróbicos no inicio (20′) e no final(10′) do treino e mais as séries de musculação e claro não esquecendo do alongamento no inicio e no final do treino. Eu noto que as pessoas tem o péssimo hábito de pular algumas fases do treino, principalmente o alongamento, é chato? Ah sim as vezes é, mas é necessário. Evita lesões e ajuda no aquecimento.

Efeitos do alongamento:

  • Redução de tensões musculares;
  • Relaxamento;
  • Benefícios para a coordenação, pois os movimentos se tornam mais soltos e fáceis;
  • Aumento do arco de maleabilidade;
  • Prevenção de lesões;
  • Facilita atividades de desgaste como, por exemplo, corrida, tênis, natação, ciclismo etc;
  • Desenvolve a consciência corporal, à medida que a pessoa focaliza a parte do corpo que esta sendo alongada;
  • Ativa a circulação;
  • Ajuda no aquecimento, à medida que eleva a temperatura do corpo;
  • Ajuda a liberar os movimentos bloqueados por tensões emocionais.

Fonte: http://vilamulher.terra.com.br/qual-a-importancia-de-fazer-alongamentos-11-1-68-71.html

Eu ainda estou me adaptando, voltando a rotina de treinos que está parada há mais de dois anos ( essa falta de exercício me fez ganhar quase 20kg 😦 ). Eu adoro fazer exercício, me sinto muito bem depois da academia, parace que tudo fica melhor inclusive a pele.

Eu já tentei todo tipo de esporte mas a musculação é o que mais funciona pra mim pq é bem agitado, eu posso fazer sozinha e dá resultados rápidos e isso anima muito. Ah sim claro e tem que ser acompanhada de música da boa, mas isso é assunto pra outro post.

E você, qual sua atividade preferida? Seja qual for o importante é não ficar parado, só não me venha com essa de dizer que faz levantamento de garfo e copo pq isso é coisa de chubby hahahahahaha.

O tal do sal…

Cada dia que passa fica mais difícil comer fora de casa. O sal tem se tornado um incomodo sem tamanho. Eu já venho de uma família que sempre ingeriu pouco sal pois minha mãe sofria de problemas nos rins,  mas depois que me mudei pra Curitiba eu passei a abusar um pouco mais do sal, infelizmente isso é o tipo de hábito que se adquire sem perceber e quando você nota já está comendo muito sal.

Lá por 2003 eu descobri que estava com pressão alta, isso foi motivo pra mais uma vez eu puxar o freio do sal, mas não foi nada tão drástico, acho que nunca levei isso muito a sério. Pra ser sincera acho que eu tinha mais vontade de sal do que do alimento em si, pura ansiedade.

Desde que comecei com essa série de mudanças na minha vida, eu mudei também a quantidade de sal ingerida, não esquecendo que o vilão não é somente o sal em si e sim o cloreto de sódio presente na maioria dos alimentos industrializados que consumimos.

Tenho dado preferência à ervas, especiarias e  temperos dos mais variados e evitado sempre que possível usar o sal.

Só que agora estou em um grande dilema, eu trabalho fora e não tenho como fazer todas as refeições em casa e dependo de restaurantes para o almoço, já que os lanches eu trago prontos. E todo dia na hora do almoço é a mesma situação, coloco comida no prato e metade fica pra trás pq não consigo comer por  causa do sal. Achei que fosse o restaurante, tentei trocar várias vezes mas todo lugar é a mesma coisa. Ontem fui almoçar no shopping, pedi arroz integral, file de frango e salada.. só consegui comer a salada e uma parte do filé, ficou tudo pra trás. Pro meu paladar tudo está extremamente salgado.  Hoje foi a mesma coisa o arroz, o feijão e a carne ficaram para trás, comi toda a salada e metade da carne que era mais ou menos do tamanho da palma da minha mão.

Estou chegando ao ponto de começar a preparar minhas refeições em casa e levar minha lancheira pro trabalho. Já venho pensando nisso já varios dias, já tinha visto um vídeo da Barbara sobre isso e agora a pouco li uma matéria parecida no blog da Larissa acho que é um sinal hahaha

Superando desafios

É muito bom ver como todo dia tenho uma nova conquista. Pra muitos pode parecer pequena, mas pra mim elas são enormes.

Hoje foi dia de superar mais um desafio, há pouco mais de um mês atrás eu mal conseguia andar duas quadras e já estava ofegante, e hoje consegui caminhar 5km em 1 hora. Um ótima média pra quem está começando, com um percurso cheio de subidas e decidas foi literalmente muito suado, até pensei em desistir e pergar um onibus pra voltar pra casa, mas segui firme.. tinha alguém muito especial do meu lado me dando apoio. E depois dos primeiros 2km eu já estava bem e segui firme o trajeto até voltar pra casa exausta mas feliz da vida.

Esta é uma tela do App RunKeeper, muito bom e bem útil pra quem gosta de caminhas/correr, ele te dá uma série de estatísticas, recomendo! Baixe na Google Play

Evoluindo

Eu me peso todos os dias, mas para fins de controle considero as datas das pesagens de 10 em 10 dias… Hoje completei 30 dias desde que decidi mudar a forma de viver… Tracei como meta os 63kg em setembro de 2014. Mas tenho uma meta anterior que é chegar aos 80kg até meu aniversário em abril/2013. Estou bem feliz pois tenho conseguido atingir as metas que estipulei, fácil não é mas estou correndo atrás.

O bom é que estou cercada de ótimos exemplos. Hoje encontrei um blog muito bom da Petê Camargo, ela era bem gordinha e hoje está um espetáculo, simpatissíssima e tem muito a me ensinar. Blog recheado de ótimas receitas e principalmente de muito incentivo.

O meu maior exemplo como já citei é meu marido… meu gato lindo, que estava com 98kg em fevereiro e agora em outubro já comemora os 76kg, aliando alimentação saudável e caminhadas diárias.

E assim vou seguindo, um dia de cada vez. Firme nos exercícios e firme no controle da alimentação.

Mas principalmente sigo feliz por estar aos pouquinhos cada dia mais próxima do meu objetivo que é ficar saudável. 🙂

Navegação de Posts